Quarta-feira, 31 de maio

NEWSLETTER – 31/05/2023

Jovens negros estão dez anos atrás dos estudantes brancos no ensino médio, diz IBGE
O número de brasileiros pretos e pardos matriculados no ensino médio está uma década atrasado em relação ao número de alunos brancos. A escola é para todos, mas tem dias em que a Cecília Allevato acha que não é para ela: “Todo dia, ter que provar o meu valor como uma jovem negra é difícil, não vou mentir para você, cansa”, desabafa a estudante.

Leia a matéria na íntegra

Atuação da liderança é essencial para implementar ESG na prática
Empresas que não praticarem os princípios éticos e sustentáveis definidos em seus planejamentos anuais perderão atratividade, reputação e, consequentemente, comprometerão sua atuação junto a seus clientes e ao mercado. Os conceitos ESG já são realidade na Europa em ambientes corporativos e deverão, cada vez mais, nortear as decisões de CEOs, comitês executivos e conselheiros aqui no Brasil.

Leia a matéria na íntegra

Modernização tecnológica contribui para sustentabilidade das empresas
O mundo dos negócios está cada vez mais conectado com a sustentabilidade. É o que revela um estudo realizado pela Accenture, onde dados comprovam que a mudança de dados para o sistema em nuvem é capaz de reduzir 59 milhões de toneladas de dióxido de carbono anualmente.

Leia a matéria na íntegra em:

O paradoxo do trabalho escravo e ESG
Há um aparente paradoxo no campo dos direitos humanos no Brasil atualmente, a saber, quanto mais as empresas e empresários se preocupam com a responsabilidade ambiental, social e de governança (termo conhecido em inglês pela sigla ESG), mais tem se descoberto casos de trabalho análogo à escravidão em empresas ou organizações de grande porte localizadas nas regiões mais desenvolvidas do país, como na região Sudeste e na região Sul. Lembremos o caso de trabalho análogo à escravidão ocorrido com os safristas de uva que prestavam serviços às vinícolas Salton, Aurora e Garibaldi que vieram à tona em fevereiro de 2023, bem como a denúncia de trabalho escravo no Festival Lollapalooza que veio à público em março do mesmo ano, festival este organizado pela empresa T4F Entretenimento.

Leia a matéria na íntegra

Deixe um comentário

Conteúdos relacionados